Home / Utilitários / Negócios / Seja um ijumper, um empreendedor da economia digital que trabalha de onde quiser, como quiser e quando quiser

Seja um ijumper, um empreendedor da economia digital que trabalha de onde quiser, como quiser e quando quiser

Aquela vontade das pessoas de terem sua própria liberdade para fazer o que bem entenderem sempre foi considerada um sonho muito distante. Com o passar dos tempos, os negócios, a cultura humana e uma série de coisas foi mudando. Hoje em dia, já é possível fazer coisas de forma mais interessante, da forma como nós queremos. O conceito de ijumper prega basicamente isso: a liberdade nos negócios permite uma liberdade na vida, uma nova maneira de viver, uma maneira totalmente descolada, intensa e muito mais divertida.

Antes de explicar o conceito propriamente dito, é necessário entender o contexto em que este termo ijumper foi criado. Em primeiro lugar, o filme – Jumper – de 2008, mostra um rapaz que pode se teletransportar para qualquer lugar do globo, em qualquer hora. Ora, se ele pode estar em dois lugares completamente distintos em dois momentos muito próximos, então uma pessoa que é livre para trabalhar como quiser, onde quiser, na hora que quiser, também pode ser considerado um jumper.

Portanto, o nome ijumper, foi atribuído por Conrado Adolpho às pessoas que trabalham de forma livre, na internet, ganhando muito dinheiro por meio de estratégias únicas online, é derivado do filme. Ele também lançou um e-book gratuito com esse mesmo nome onde ele apresenta esse mais novo conceito de empreendedor da economia digital, o ijumper. O livro – que inclusive eu mesmo estou lendo – oferece um excelente conteúdo para quem deseja empreender na internet e conquistar a independência financeira e felicidade plena.

Ijumper

Porém, como já havia mencionado, é necessária a análise de um segundo assunto, completamente relacionado aos ijumper, que pode nos ajudar a entender ainda mais esta nova maneira de ganhar dinheiro. O conceito de freelancer. Freelancer se confunde em alguns casos com os trabalhos de home office. E isso é perfeitamente entendível, já que muitos freelancers, principalmente aqueles que trabalham com alguma coisa na internet, fazem isso a partir de casa, na frente de um computador. O ijumper pode ser considerado um tipo de freelancer, mas isso não é regra total. Toda regra tem sua exceção. Ijumpers de todos os ramos e todas as partes do Brasil e do mundo podem ganhar dinheiro com seus próprios empreendimentos, criando novos modelos de negócios, gerando novas ideias para o mercado. Mesmo assim, é importante lembrar que a maioria dos ijumpers começa no mundo do freelancer em trabalhos pela internet.

O mundo freelancer, como todos sabem, não se resume apenas ao universo da internet. Pode-se chamar um freelancer de eventos de ijumper? Ora, por que não? Se esta pessoa viver exclusivamente dos trabalhos livres que fizer, ela pode ser considerada uma pessoa livre para estar em qualquer lugar, quando quiser, como quiser. Este é o conceito de ijumper. A vantagem do ijumper online é o fato de que ele pode estar em locais realmente distantes, se levarmos em conta a grande capacidade do computador e da internet de levar as pessoas a lugares inimagináveis, mesmo que apenas virtualmente.

Se você já se cansou da vida monótona, rotineira e praticamente pré-determinada que você leva, o momento é o mais propício para que você comece a repensar o modo como sobrevive, como aproveita seu tempo nesta terra, tempo tão curto que temos à disposição. Acesse o site agora mesmo para ser um ijumper, ganhar dinheiro livremente e aproveitar tudo que a vida no planeta Terra tem a oferecer!

Um forte abraço,
Thiago Sanches

 

Sobre Thiago Sanches

Thiago Sanches é o fundador do Vida Mais Fácil. É um especialista em Apps e Mobile Marketing. Utiliza os dispositivos móveis para Vender e realizar bons Negócios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Rolar para o Topo